Conheça as 10 raças de gatos mais populares no Brasil | Inova Veterinária

Pode ter gente que acha que gato é tudo igual!
Eles são bem parecidos mesmo, mas existem diversas raças com características exclusivas que os diferenciam bastante uns dos outros.

1. Persa e Himalaia

 

O gato Persa é, para muitos, sinônimo de gato de luxo. Com seu porte tranquilo, pelagem longa e majestosa e focinho plano, o tornam “rei das exposições”.

Possui temperamento tranquilo e é amável, ótimo para pessoas que possuem outros pets, crianças ou que são donos pela primeira vez de um felino.
O Persa adora dormir no colo e receber carinho!

 

Uma raça mais nova, a Himalaia, nasceu em 1950, quando cruzaram um gato Siamês com um Persa para criar um pet que tivesse corpo do Persa e a coloração do Siamês (olhos azuis e cores nas extremidades, denominado Persa Colorpoint).
E se você tem um Persa, lembre-se de cuidá-lo com atenção e oferecer a ração adequada.

2. Siamês

A aparência de um gato Siamês é o que mais chama atenção: olhos bem azuis e pelos claros com extremidades mais escuras (rosto, orelhas, patas e rabo). Com postura elegante, esta raça era comum em companhias para reis na Tailândia.

Já o temperamento do gato Siamês pode ser imprevisível. Na maioria das vezes, são tranquilos, amáveis e fiéis, mas algumas vezes, de repente, o comportamento muda, e eles podem ficar mais quietos e apáticos.São uma raça independente e que precisa de socialização logo cedo, para não terem ciúmes de seus donos e se darem bem com todas as pessoas próximas.
Se você tem um gato Siamês, lembre-se de tratá-lo com a alimentação adequada e específica.

 

3. Maine Coon

 

Também conhecido como o Gato Gigante, os gatos da raça Maine Coon são enormes, chegando a pesar até 13kg e a um porte semelhante ao de um poodle médio.

A coloração da pelagem é bem variada, e os pelos são longos, principalmente na região do rabo.
São brincalhões, ativos, companheiros e amigáveis. Por ser um gato bem diferente e único, esta raça necessita de cuidados e atenção especiais. Por isso existe a ração específica para Maine Coon.

 

4. Angorá

 

Fofo, elegante e independente, o gato Angorá pertence a uma raça de gatos domésticos que veio da Turquia. De pelos longos que necessitam de escovação frequente e olhos claros e marcantes, o gato Angorá adora brincar e é ótimo para fazer companhia a crianças.
Sua pelagem pode ter diversas cores, do branco ao preto, passando pelo vermelho e por misturas. E é nesta raça que mais surgem gatos com heterocromia, ou seja, que possuem um olho de cada cor, sendo normalmente um amarelo esverdeado e outro azul.
Outros gatos da raça podem ter também os dois olhos da mesma cor, como amarelos e azuis.

Para gatos de pelos longos, como o Angorá, é importante oferecer uma alimentação específica como esta ração e penteá-los periodicamente com escovas adequadas ao seu tipo.

 

5. Sphynx

 

Exótica e diferente, a raça Sphynx é a mais rara dos felinos. Também conhecido como Pelado Canadense, o gato desta raça possui o visual totalmente sem pelos!
Os gatos Sphynx são extremamente dóceis e apegados aos donos, adoram carinho, companhia e brinquedos seja para se entreter sozinho ou de preferência com seu dono.
Além da ausência de pelos, os grandes olhos e orelhas são características marcantes. Eles também não possuem bigodes, o que os tornam um pouco desajeitados.
Curiosamente, o primeiro gatinho pelado que deu origem à raça, nasceu em uma ninhada no Canadá, em 1966, sendo o único sem pelos. Este gato deu crias, posteriormente, e mais gatos nasceram pelados, dando assim continuidade e criação à raça Sphynx.

 

6. Ragdoll

 

Seu nome, que significa “boneca de trapos”, indica uma característica: relaxar completamente quando o pegamos no colo. É tão dócil que permite ser colocado de um lado para o outro, algo com que nem todos os gatos concordam.
É um gato grande, que pode chegar a pesar até 9 kg. Os olhos são sempre azuis e formam um rosto característico e harmonioso com as bochechas e focinho.
Seus pelos são longos e em variedade de cores, sendo uma delas, parecida com a do Siamês.Gatos de pelo longo como o Ragdoll, necessitam de alimentação adequada e ração específica.

7. Ashera

 

De raça rara e também a mais cara do mundo, os gatos Ashera também são gatos gigantes!
Tudo isso pois são geneticamente criados e modificados.

Esta raça foi criada pela mistura de gato doméstico com selvagens híbridos, como o africano serval e o gato leopardo asiático.

Aparentemente, se parecem bastante com um leopardo. Eles podem atingir até 14 kg e 1 m de comprimento
Por serem gatos considerados gigantes, necessitam de rações específicas para seu porte e que oferecem todos os nutrientes para uma vida saudável.
São gatos bem brincalhões e amigáveis, ótimas companhias! Mas é uma raça para poucos, pois o valor de um gato Ashera pode chegar aos R$ 40 mil.

 

8. American Shorthair

 

Chamada também de Pelo Curto Americano, é uma verdadeira raça de trabalho, pois é conhecida pela sua longevidade, saúde, docilidade com crianças e cães, além da sua beleza e temperamento quieto. Sua característica única é o pelo curto, que deve ser penteado com escovas específicas para seu tipo, garantindo o brilho natural da pelagem.

Gatos desta raça são simpáticos, com grandes olhos, sempre alertas e pelagem em cores variadas.

 

9. Exótico

 

Com a intenção de ter um gato com temperamento do Persa mas com pelo mais curto e de fácil manutenção com escovas adequadas, realizaram o cruzamento entre estas duas raças, resultando no gato Exótico.
Extremamente dócil, brincalhão, calmo e leal, este gato é ótimo para ser companhia de crianças.
Os pelos não são os mais curtos, mas são mais fáceis de cuidar do que o do Persa. Possuem cabeça achatada e olhos afastados. São compactos e de ossadura forte.

10. SRD

 

Os gatos Sem Raça Definida são bem antigos, pois há milhares de anos já cruzavam raças diferentes entre si. Por serem misturas, os gatos SRD podem ter diversas cores e tipos de pelagem, além de tamanhos, formatos e aparências.

Não há um temperamento pré-definido, pois estes gatos possuem características de várias raças, mas sabe-se que são gatos saudáveis, carinhosos e amigáveis.
Quando são resgatados da rua então, mais amorosos ainda podem ser, com gratidão a quem o salvou.Fonte: bob.geracaopet.com.br